Motorista de ônibus que transportava pacientes diz que veículo pegou fogo após motor estourar

O motorista que conduzia o ônibus que pegou fogo na TO-010, entre Palmas e Lajeado, disse que o incêndio começou após o motor do veículo estourar durante o trajeto. Segundo ele, as chamas começaram após um vazamento de óleo na pista. Um vídeo mostra o veículo sendo destruído e um grande volume de fumaça impossibilitando o tráfego na rodovia.

O incêndio começou por volta das 10h50 no km 32. O ônibus, que pertencia à Prefeitura de Lajeado, estava com 30 pacientes que fazem tratamento em unidades de saúde de Palmas. Todos conseguiram sair sem nenhum ferimento.

De acordo com a Prefeitura de Lajeado, o ônibus tinha passado por revisão na última sexta-feira (2).

O motorista contou à equipe de reportagem da TV Anhanguera que percebeu um barulho de ferro quebrando e parou o veículo. Ele notou que havia vazado óleo da parte inferior do ônibus. O incêndio começou rapidamente. O homem tentou apagar o fogo com um extintor, mas as chamas se espalharam.

O ônibus ficou destruído e o fogo atingiu a vegetação às margens da pista. Os bombeiros foram chamados para combater o incêndio.

Os passageiros foram retirados do do ônibus e levados para Lajeado em ambulâncias e carros da prefeitura do município. A perícia foi acionada para saber o motivo do incêndio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *