Homem confessa que matou jovem com golpes de machado por causa de R$ 50

Foi preso na tarde desta quarta-feira (7) o principal suspeito de ter assassinado Lázaro de Sousa Fontes de, 23 anos, em Guaraí, na região norte do Tocantins. O motivo do crime foi o roubo de R$50, há cerca de três meses. De acordo com a Polícia Civil, o homem confessou que usou uma faca e um machado para matar a vítima.


A polícia começou a investigar o crime logo após o corpo da vítima ter sido encontrado no quintal da casa do pai, na manhã desta quarta-feira. A vítima tinha cortes profundos na cabeça.

Um machado, que teria sido usado no assassinato, também foi encontrado. O suspeito, que não teve o nome divulgado, disse que estava se vingando da vítima. O crime teria acontecido durante a madrugada.

Segundo a polícia, o suspeito disse que Lázaro de Sousa roubou R$ 50 dele no último mês de maio. “O autor invadiu a residência da vítima com a intenção de assassiná-la. No entanto, ao perceber a aproximação do autor, Lázaro acordou e entrou em luta corporal com o agressor, mas recebeu a primeira facada”, explicou o delegado Adriano Carrasco.

Ainda segundo o delegado, a vítima tentou se defender com um machado, mas o suspeito conseguiu tomar o objeto e usou para cometer o assassinato. “Causando sua morte quase que de forma instantânea”, afirma o delegado.

O homem foi levado para a delegacia e depois para a Casa de Prisão Provisória (CPP) de Guaraí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *